Peça Cachorros não sabem blefar estreia em fevereiro no Sesc Consolação

0
13
Cena da peça Cachorros não sabem blefar. Foto de Cristiano Diniz

Você já parou pra pensar no Ódio? Forte essa pergunta né? Já parou pra pensar em como todo mundo parece odiar tudo, se irritar com tudo e, às vezes, em casos mais graves, como um indivíduo agride o outro, verbal e fisicamente, por motivos torpes, e como isso tem parecido cada vez mais normal à nossa percepção?

Cena da peça Cachorros não sabem blefar. Foto de Cristiano Diniz

Essa abordagem é o mote da peça ‘Cachorros não sabem blefar’, da companhia mineira 5 Cabeças, que estreia em São Paulo para uma curta temporada, no dia 13 de fevereiro.

A culpa é do Caio?

Neste espetáculo, que coloca sob o holofote temas como a falta de comunicação, a velocidade da vida e a intolerância, todos os personagens odeiam profundamente o nome Caio. E por odiar o nome, odeiam o Caio, personagem que se vê obrigado a trocar de nome para tentar conviver com as demais pessoas.

Essa situação que parece tão absurda é, na verdade, um paralelo com situações bem reais, e que se analisadas de forma mais aprofundada, são tão absurdas quanto. A intolerância com o nome Caio, na peça, é quase como uma caricatura da intolerância pela divergência política, ou pela opção sexual e religiosa de cada um, ou até mesmo pelo tipo de roupa que uma pessoa veste.

Assim como o personagem Caio muda seu nome para ser aceito, as pessoas acabam se adequando aos padrões impostos pela sociedade. É um retrato caricato, mas infelizmente real da sociedade contemporânea.

O tempo é relativo

Assim diz a ciência. O relógio e o tempo são destaques também nessa trama. No palco, em que os personagens convivem, há apenas um sofá, um telefone, uma banheira e um relógio que marca sempre a mesma hora. 9h15. É uma proposta de reflexão também à nossa percepção de tempo, e a forma como lidamos com ele.

Teatro do Absurdo

‘Cachorros não sabem blefar’ tem a dramaturgia e a direção assinadas por Byron O’Neill. A peça flerta com a técnica do Teatro do Absurdo, pela forma como retrata a realidade e o desejo de explorar a relação entre o ‘Eu e o Outro’, e o espaço e o tempo cíclicos, a repetição.

Programe-se

A peça ‘Cachorros não sabem blefar’ ficará em cartaz por uma temporada curta, com ingressos a preços acessíveis, R$ 20 inteira e R$ 10 meia. O espetáculo será apresentada no Espaço Beta do Sesc Consolação, entre os dias 13 de fevereiro e 14 de março, às segundas e terças, exceto dias 27 e 28 de fevereiro, sempre às 20h.

E você leitor do Vá de Cultura, gostou dessa dica? Conta pra gente o que achou deixando um comentário aqui no artigo. Não se esqueça de curtir a página do Vá de Cultura no Facebook, e interagir com a gente usando a hashtag #vádecultura nas suas redes sociais.

Gostou deste artigo? Deixe um comentário!