Salve Malala no Teatro Arthur Azevedo

0
189

Sofia e Yan são duas crianças que vivem em uma aldeia, onde os comandos de um rei ditador decide proibir as meninas de frequentarem a escola. As crianças se reúnem, então, para combater as ordenanças do rei mandão. Esse é o enredo da peça “Salve, Malala”, montagem da Cia. La Leche, inspirada na luta da garota paquistanesa Malala Yousafzai, que ficou conhecida mundialmente em 2012, após ser baleada por um membro do Taliban quando voltava da escola, no Paquistão. Após o ocorrido, Malala passou a militar pelo direito à educação recebendo, em 2014, o prêmio Nobel da Paz. O espetáculo, voltado para o público infantil, apresenta uma reflexão sobre a liberdade e o direito à educação. A peça estará no Teatro Arthur Azevedo de 10 de junho a 02 de julho.

Para lutar contra a proibição do rei, as duas crianças decidem ocupar a escola e incitam a aldeia a brigar por seus direitos. Ao se basear na história da ativista, “Salve, Malala!” foca em histórias de desafio e superação. “Na verdade, Malala não é uma personagem da peça, ela é uma inspiração. Criamos uma dramaturgia por meio da vida dela, assim a peça é sobre o mesmo ideal. É pelo direito de estudar e pela liberdade. Além disso,buscamos trazer também uma maneira de repensar a educação ao apresentarmos maneiras de ensinar e aprender dentro de uma sociedade”, conclui o ator e diretor Alessandro Hernandez

Gostou deste artigo? Deixe um comentário!