Museus brasileiros disponibilizam exposições virtuais no Google

0
66

Há tantos museus incríveis no mundo que é praticamente impossível visitar todos . Só no Brasil existem mais de 3 mil em atividade. Eles guardam um pouco da história do país e da cultura de cada região.

O ‘Google Art Project’ oferece visitas gratuitas a algumas das maiores galerias do mundo sem sair de casa. O aplicativo utiliza a tecnologia ‘Street View’, por meio do qual é possível fazer um tour virtual e visualizar as obras de arte em alta resolução.

Exposições virtuais

O carro-chefe do serviço, porém, são as mostras on-line. No Brasil, o Google é parceiro de mais de 40 instituições. Cada uma delas disponibiliza exposições virtuais completas por meio de uma página dentro do ‘Art Project’.Basta entrar no site Google Arts & Culture, link Locais, onde estão catalogados praticamente todos os países do mundo. Clicando no quadrinho do Brasil, será aberta uma lista dos principais museus.

A experiência on-line

As mostras virtuais aparecem na tela do computador ou dos dispositivos móveis, em formato de slide (tela cheia), e as obras são organizadas de forma dinâmica e cronológica. Cada tela é apresentada de uma maneira. Há fotografias, vídeos, informações complementares e tours em 360 graus, além de áudios e infográficos. Tecnologia Street View

Em 2007, a Google agregou ao serviço ‘Google Earth’ a tecnologia ‘Street View’. Ela permite visitas panorâmicas em 360 graus de ruas de praticamente todas as cidades do mundo. Até as regiões mais remotas foram contempladas pelo serviço.

Para capturar as imagens, a empresa utilizou carros especiais equipados com uma câmera 360 graus. Nos museus, o funcionamento é o mesmo, com carrinhos guiados por um profissional pelo interior das instituições.

Na contramão da tecnologia

As administrações de alguns museus se posicionaram contra esta ideia. Elas alegam que a tecnologia em questão pode desestimular a visitação pessoal.

O fato é que essa nova forma de interação com a arte complementa as visitas e permite que pessoas do mundo inteiro conheçam acervos específicos de cidades distantes de onde vivem.

Museus pelo mundo

Além dos grandes centros, entre eles Nova Yorque, Paris, Tóquio, Rio de Janeiro e São Paulo, fazem parte do catálogo de países como Indonésia, Tailândia, México, Marrocos e muitos mais. A página principal do ‘Google Arts & Culture’ possui uma rolagem quase infinita de nações.

 

Gostou deste artigo? Deixe um comentário!