Mostra A Hora do Chá apresenta o universo lúdico de famosas histórias

0
26
foto da exposição

A mostra A Hora do Chá traz trabalhos dos renomados artistas Vermelho Steam e Ju Violeta, e ficará disponível para visitação gratuita, em São Paulo, até o próximo dia 21 de junho

A Luis Maluf Art Gallery exibirá, até o próximo dia 21 de junho, uma exposição muito diferente, baseada no universo lúdico e surreal de histórias como Alice no País das Maravilhas. Quem não lembra, por exemplo, do chapeleiro maluco servindo Chá para Alice? Os trabalhos expostos na mostra são dos artistas Vermelho Steam e Ju Violeta, e apresenta 53 obras, entre pinturas e esculturas.

O ritual do chá é resgatado nesta exposição, que mistura o universo da fantasia e das histórias às plantas e ervas utilizadas no preparo de chás pelos curandeiros. A instalação é toda decorada com móveis e objetos antigos, trazendo à tona a memória do chá, e misturando-a a uma concepção artística única e cheia de personalidade.

Vermelho e Ju Violeta, uma exposição em conjunto

Vermelho Steam: Em uma atmosfera escura e movida à vapor, o artista plástico Vermelho Steam cria suas obras com inspirações que vão do teatro de bonecos do leste europeu do séc. XIX, o expressionismo alemão até os dias de hoje, passando pelo cinema, animação e quadrinhos. Tudo isso misturado à arte de rua e suas paredes com camadas de fuligem que cobrem tudo com camadas que nos contam algo, transitando por um universo de antiguidades, poeira e relíquias, pois o antigo carrega histórias que às vezes não conhecemos, somente imaginamos e nesse momento, transformamos em algo novo, com toda ironia e humor revertido em manifestação artística. O artista imagina que suas peças conduzem o espectador até o momento em que percebemos não haver mais diferença entre bem e mal, o sagrado e o profano, restando somente a semântica.

Ju Violeta: Tem formação técnica em Moda, Design de Interiores e Paisagismo. Iniciou seu trabalho de artes pelo grafite em São Paulo em 2004 de forma autodidata com participações em exposições coletivas e em feiras de artes alternativas, participou da exposição “Coração na mão”, na A7MA Galeria, com mais sete mulheres da arte urbana. Além do grafite, telas e esculturas, a ilustração também esteve presente, criando estampas para produtos e ilustrações para livros. Seus personagens sempre carregam a força da natureza com uma linguagem lúdica e surreal, com seus traços leves, utiliza diversas técnicas para explorar e compor seus trabalhos plásticos e urbanos. Faz busca de suportes muitas vezes abandonados ou esquecidos, dando um novo sentido, trazendo um novo olhar. Recentemente realizou um mural de 600 m2 para o Sesi em Minas Gerais, projeto Arte no Muro em São Paulo, participou do projeto grafite da 23 de maio e da Feira de Arte Parte 2014  e 2015, mural para Sesc Santana no projeto Dejeneradas. Seus últimos projetos em 2015 foram a mostra “Pólen e Ferrugem” na galeria A7MA em S.P e Projeto Urban Walls Brazil com murais em Annapolis, USA. Tem como importância a militância de proteção aos animais, a ecologia, a sustentabilidade e apoia ONGs  com sua arte.

Então prepare um tempo aí na sua agenda, porque a exposição A Hora do Chá está chegando ao fim e você só tem mais duas semanas para conferir o trabalho desses renomados artistas. A mostra ficará disponível para visitação, gratuitamente, até o dia 21 de junho, na Luis Malluf Art Gallery. A galeria abre de terça a sexta, das 11h às 20h, e aos sábados das 11h às 18h.

A Hora do Chá, na Luis Malluf Art Gallery
Quando: Até o dia 21 de junho
Onde: Galeria Luis Malluf
Endereço: Rua Peixoto Gomide, 1887 – Jardins
Ingressos: #VáDeGraça
Local acessível: Sim

Gostou deste artigo? Deixe um comentário!