Memorial da Resistência exibe documentário sobre a censura no Estadão

0
42

Filme ‘Estranhos na Noite, Mordaça no Estadão em tempos de censura’, de Camilo Tavares e José Maria Mayrink, será exibido no dia 20/02, a partir das 14h, com entrada gratuita

O Memorial da Resistência, instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, realiza no dia 20/02, às 14h, o primeiro “Sábado Resistente”´do ano, programa realizado em parceria com o Núcleo de Preservação da Memória Política que tem como objetivo debater a censura no país. Na data, será exibido em pré-estreia o documentário Estranhos na Noite, Mordaça no Estadão em tempos de censura, dirigido por Camilo Tavares, com roteiro do jornalista José Maria Mayrink. Após o filme, ambos participam de debate com o público.

O documentário relata a resistência do jornal O Estado de S. Paulo à censura durante a ditadura militar, através de depoimentos dos jornalistas e outros profissionais que trabalhavam na redação naquela época. Para contar os bastidores dessa história única na imprensa brasileira e mundial, José Maria Mayrink, autor do livro “Mordaça no Estadão”, e Camilo Tavares, diretor do filme premiado “O dia que durou 21 anos”, entrevistaram Ricardo Kotscho, Miguel Jorge, Carlos Chagas, Oliveiros Ferreira, Fernando Mitre, Flavio Tavares, Sérgio Mota Melo e outros jornalistas que participaram desse importante capítulo da história brasileira. O filme também traz depoimentos das atrizes Eva Wilma e Irene Ravache e do ex-ministro Delfim Neto, pivô de um dos mais notórios casos de censura ao jornal.

Estranhos na Noite conta ainda como nasceu a estratégia de denunciar a censura aos leitores publicando versos de Camões e receitas culinárias no lugar das notícias proibidas. E como, mesmo depois do fim da censura, o regime militar perseguiu jornalistas do Estadão com prisões, torturas e ameaças de morte.

Programação especial para o dia:

14h00 | Boas vindas | Aureli de Alcântara (Memorial da Resistência de São Paulo)

14h30 | Exibição do documentário

15h45 | Debate mediado por:

Maurice Politi, diretor do Núcleo de Preservação da Memória Política, Jose Maia Mayrink, jornalista e roteirista do documentário, Edmundo Leite,  jornalista e coordenador do Acervo do Estadão, Camilo Tavares,  cineasta e diretor do documentário.

16h30 | debate com o público

Memorial da Resistência exibe pré-estreia de documentário sobre censura à imprensa
Quando: dia 20/02, a partir das 14h
Onde: Memorial da Resistência de São Paulo (Largo General Osório, 66, Luz, Auditório Vitae, 5º andar)
Ingressos: #vadegraça

Gostou deste artigo? Deixe um comentário!