Sarau Suburbano celebra 5 anos com lançamento de livro de poesias


Na última terça feira, na sede da Livraria Suburbano Convicto, no Centro de São Paulo, o escritor, cineasta e idealizador do projeto Sarau Suburbano, Alessandro Buzo, junto com o coordenador, Tubarão Dulixo, recebeu convidados e autores para a celebração dos cinco anos do projeto. O encontro também marcou o lançamento da terceira edição do livro Poetas do Sarau Suburbano, que traz […]




Na última terça feira, na sede da Livraria Suburbano Convicto, no Centro de São Paulo, o escritor, cineasta e idealizador do projeto Sarau Suburbano, Alessandro Buzo, junto com o coordenador, Tubarão Dulixo, recebeu convidados e autores para a celebração dos cinco anos do projeto. O encontro também marcou o lançamento da terceira edição do livro Poetas do Sarau Suburbano, que traz poesias escritas por 16 autores, participantes do Sarau Suburbano.

16 autores e autoras, participantes do livro, iniciaram a noite de sarau declamando poesias e rimas, dentre as quais, diversas abordavam contextos sociais como a vida na periferia e situações que chamam a atenção para um outro problema, infelizmente, ainda recorrente: A violência contra a mulher. O conteúdo do projeto, que mostra valor por si só, traz a cultura como carro chefe na luta contra o preconceito e as diferenças, e usa da arte para reivindicar uma sociedade mais justa, fazendo das poesias a mediação das aflições destes poetas urbanos.

Um espaço rico em cultura não poderia deixar de ser rico em histórias de vida. Autor de 6 livros em português, o Sr. Hans, de 87 anos, que veio da Alemanha para o Brasil com 11 anos de idade, fugindo da guerra, é participante ativo do sarau e nos contou um pouco sobre sua história e como se integrou ao projeto:

“Eu nasci na Alemanha, vim de lá fugindo do nazismo, e até os 11 anos eu não falava o português. Agora já sei um pouquinho (risos).”.

“Meu último livro foi lançado pela mesma editora com a qual o Buzo trabalha, e por coincidência, certa vez, nós nos encontramos lá na editora. E aí conversamos, ele me convidou a participar, eu gostei muito, e desde então estou aqui participando do Sarau Suburbano.”, completou.

Além dos autores, como de costume, outros poetas inscritos puderam mostrar o seu trabalho, alguns pela primeira vez, num total de 20 apresentações.

O Sarau Suburbano: O projeto, idealizado por Alessandro Buzo e também coordenado por Tubarão Dulixo, traz um pouco da cultura da periferia, por meio da literatura, ao Centro de São Paulo. A iniciativa, que acontece todas as terças-feiras, recebe público variado, de diversas idades e contextos sociais, num verdadeiro mix de cultura. O sarau agrega valor significativo ao possibilitar que os poetas urbanos, na maioria pessoas mais jovens e residentes em bairros mais carentes, desenvolvam um trabalho de literatura, que vai desde o incentivo à escrita até a publicação de seus próprios livros, como em muitos exemplos de sonhos que foram realizados ali.

“O grande foco de todos estes projetos sociais, culturais e esportivos, que acontecem nas periferias, é justamente dar uma opção, não somente resgatar o cidadão que está num caminho errado, mas evitar que ele entre.”, comentou Buzo.

A livraria: Espaço destinado à exposição e comercialização de livros, a um preço acessível, a livraria Suburbano Convicto também abriga vários títulos interessantes e apresenta como opção a literatura dos próprios autores participantes do projeto. A livraria funciona na rua 13 de maio, 70, no bairro do Bixiga, São Paulo, de segunda à sexta, das 9h às 18h, e o sarau acontece no mesmo local, todas as terças-feiras, à partir das 19h. A entrada é gratuita e quem tiver interesse em participar, seja assistindo ou apresentando suas obras, basta incluir o nome na lista no início.

Alessandro Buzo: Nascido e criado no Itaim Paulista, Zona Leste de São Paulo, Alessandro Buzo, hoje com 42 anos de idade, É escritor, cineasta e especialista em cultura suburbana. Buzo, que é autor de 11 livros, entre eles O TREM, lançado em 2000 pela editora Edicon, é conhecido por contar a história da periferia, e se destacou na TV com uma passagem de três anos no programa Manos e Minas da TV Cultura e, mais tarde, como apresentador do quadro SP Cultura, no SPTV 1ª edição. Além de idealizador da livraria e do projeto Sarau Suburbano, Buzo trabalha em outros projetos sociais como o Favela Toma Conta, iniciado em 2004.

O livro Poetas do Sarau Suburbano, volume 3, pode ser adquirido na própria livraria, pelo valor de R$ 20,00, ou pelo site: http://livrariasuburbanoconvicto.blogspot.com.br


Gostou do artigo? Então deixe um comentário!