Veja os 12 filmes finalistas da 39ª Mostra Internacional de Cinema


Separamos uma lista com os 12 filmes finalistas da 39ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, que chega ao fim nesta quarta-feira, 04 de novembro, com a premiação feita pelo juri do evento




Após duas semanas de evento, e mais de 300 títulos exibidos em diversas salas de São Paulo, chega ao fim hoje, dia 04 de novembro, a 39ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo. Os jurados Geraldine Chaplin, Iván Wyszogrod , Luis Miñarro, Nathanel Karmitz e  Paulo Machiline, votarão nos melhores filmes entre os 12 finalistas, e dentre os critérios das notas estão, além dos votos dos jurados, a votação do púbico, para definição dos vencedores do Troféu Bandeira Paulista (uma criação da artista plástica Tomie Ohtake) nas categorias melhor filme de ficção, melhor documentário e outras categorias que o júri desejar. Também haverá a entrega da premiação do público, que escolhe, entre os estrangeiros, o melhor filme de ficção e o melhor documentário, e os melhores brasileiros nas duas categorias. Neste ano, a Mostra também dará um prêmio de R$50.000,00 ao cinema brasileiro, oferecido pela RT Features, sendo R$15.000,00 ao melhor documentário e R$35.000,00 à melhor ficção. E, finalmente, a Mostra também entregará o prêmio do Júri da ABRACCINE, oferecido ao melhor filme brasileiro ainda não premiado em outros festivais, e o prêmio do Júri Autores de Cinema, dado ao melhor roteiro dentre os filmes mais votados na competição.

oferecimento-sp-old

Veja abaixo a listagem com a sinopse dos 12 filmes finalistas

A Estreita Faixa Amareça, de Celso Garcia

Cinco homens são contratados para pintar a linha central de uma estrada que conecta duas cidades no México. A bordo de um caminhão, fazem o trabalho. São mais de 200 quilômetros que eles têm de completar em menos de 15 dias debaixo de um sol escaldante. Os cinco homens solitários vão perceber que há uma fina linha entre o certo e o errado, entre risadas e choros, entre vida e morte.

A Terra e a Sombra, de César Augusto Acevedo

Alfonso é um velho fazendeiro que retorna à casa para cuidar do filho, que está gravemente doente. Ao chegar, redescobre o antigo lar, agora habitado por sua ex-mulher, a nora e o neto. O local parece uma terra abandonada. Grandes campos de cana de açúcar rodeiam o imóvel, criando permanentes nuvens cinzas. Dezessete anos depois de os ter desamparado, Alfonso tenta encontrar o seu lugar ali para, assim, poder salvar sua família. Ganhador do prêmio Caméra D’Or no Festival de Cannes.

Caminho A La Paz, de Francisco Varone

Sebastián, 35 anos, é um homem que tem como grandes paixões a banda Vox Dei e seu antigo Peugeot 505. Recém casado com Jazmín e precisando de dinheiro, ele começa a trabalhar como motorista particular. Entre os passageiros está Jalil, um idoso muçulmano que o chama com frequência e que, certa manhã, lhe faz uma curiosa proposta: em troca de uma quantia muito alta de dinheiro, Sebastián precisa levar o passageiro de Buenos Aires, na Argentina, a La Paz, na Bolívia. Relutante e com dúvidas, ele aceita a viagem, que teve cada detalhe planejado pelo velho Jalil.

Em Seus Braços, de Samanou Acheche Sahlstrøm

Maria é uma jovem e cuidadosa enfermeira que deseja ser livre. Niels tem uma doença incurável e quer viajar à Suíça para cometer suicídio assistido. Juntos, eles embarcam em uma intensa jornada que os aproxima, além de deixá-los mais perto de seus sonhos.

Ixcanul, de Jayro Bustamante

Maria, uma menina maia de 17 anos, vive em um isolado vilarejo guatemalteco nas costas de um vulcão ativo. Um casamento arranjado a aguarda. Embora sonhe em conhecer a cidade, seu status de indígena não permite que ela vá a esse “mundo moderno”. Até que Maria engravida e uma complicação faz com que a garota seja salva justamente por esse mundo moderno. Mas a que preço? Vencedor do prêmio Alfred Bauer no Festival de Berlim.

Longo Caminho Rumo ao Norte. de Rémi Chayé

São Petersburgo, 1892. Sasha, uma jovem aristocrata russa, sempre foi fascinada pelo avô aventureiro. Explorador respeitado, ele desenhou um magnífico navio ártico, mas nunca retornou de sua última expedição ao Polo Norte. Para salvar a honra da família, Sasha foge. Ela vai em direção ao norte, seguindo a trilha do avô e em busca de seu famoso navio.

Nós Monstros, de Sebastian Ko

Paul e Christine sabem: Sarah, sua filha adolescente que perdeu o rumo desde a separação dos dois, é capaz de tudo, até de matar a melhor amiga. Para proteger a garota, eles decidem esconder o crime. A culpa que sentem vai acabar unindo a família novamente, criando uma rede de mentiras e intenções mortais, de onde não haverá saída.

Nós Eles e Eu, de Nicolás Avruj

Em 2000, o diretor deste filme, originário de uma família judaica, viveu por alguns meses em Israel e na Palestina na companhia de uma câmera. Quinze anos depois, ele reconstrói sua viagem neste documentário.

O Culpado, de Gerd Schneider

Padre de uma penitenciária estadual, Jakob Voelz presencia seu colega e melhor amigo Dominik Bertram ser preso sob suspeita de abuso sexual. O que ele começa a desconfiar, mas preferiria não saber, torna-se um teste crucial para sua fé e sua autoconsciência como sacerdote: existe a verdade bem-vinda e a que tememos. Quando Jakob passa a se voltar contra o silêncio dentro da Igreja, aprende uma lição: a Igreja é uma mãe e ninguém pode bater em sua mãe.

O Retorno, de Björn Hlynur Haraldsson

Gunnar, um sociólogo na casa dos 50 anos que já escreveu inúmeros livros de autoajuda, vive em uma bela casa com Dísa, sua mulher. Apesar da experiência de Gunnar, seu relacionamento está abalado. David, 25, seu filho único, volta de suas férias com uma nova namorada, a bela, educada e inteligente Sunna. No entanto, ao conhecer a garota, Gunnar é forçado a enfrentar um segredo obscuro.

Son Of Saul, de László Nemes

Outubro de 1944, campo de Auschwitz-Birkenau. Saul Ausländer é um húngaro que integra o Sonderkommando, grupo de prisioneiros judeus forçados a ajudar os nazistas no extermínio em larga escala. Trabalhando nos crematórios, Saul descobre o corpo de um garoto que acredita ser seu filho. Enquanto o Sonderkommando planeja uma rebelião, Saul decide se lançar em uma tarefa impossível: salvar o corpo da criança das chamas, encontrar um rabino para o Kadish e dar ao menino um enterro apropriado. Vencedor do Grande Prêmio do Júri no Festival de Cannes.

The Paradise Suite, de Joost Van Ginkel

As histórias de seis pessoas que se cruzam e influenciam as vidas umas das outras de forma irreversível: Jenya, uma jovem búlgara; Yaya, um homem africano; Ivica, um criminoso de guerra sérvio; Seka, uma mulher bósnia; Lukas, um pianista sueco; e o pai dele, Stig.


Gostou do artigo? Então deixe um comentário!