Que Horas Ela Volta? é eleito o melhor filme em Festival de Moscou


Longa Que Horas Ela Volta, que abriu e encerrou o Festival de Cinema Brasileiro em Moscou deste ano, foi considerado “Excelente” pelo público russo




Que Horas Ela Volta?, de Anna Muylaert, foi escolhido pelo voto popular como melhor filme do Festival de Cinema Brasileiro em Moscou. A película, que teve três exibições, incluindo a abertura e o encerramento, lotou a Sala 35mm em todas elas e encantou a audiência, conquistando o título de “Excelente”, segundo a opinião pública. Organizado pela Linhas Produções Culturais, em parceria com a Embaixada do Brasil em Moscou, e com o Departamento Cultural do Ministério das Relações Exteriores, em sua oitava edição, o evento reuniu mais de cinco mil pessoas, entre os dias 27 de outubro e 2 de novembro.

Que Horas Ela Volta?, que disputa a vaga de Melhor Filme Estrangeiro no Oscar 2016, como indicado do Brasil, competiu com outras onze recentes produções brasileiras. O Lobo Atrás da Porta, Trinta, Não Pare na Pista, O Outro Lado do Paraíso, Brincante, Love Film Festival, A História da Eternidade, Getúlio, O Último Cine Drive-In, Permanência e O Menino no Espelho, foram os escolhidos para participar do Festival em 2015.

Foi uma honra poder contar com a participação de todos esses longas. Nos sentimos lisonjeados em poder apresentar ao público russo o melhor do cinema brasileiro e, mais ainda, que a audiência seja tão apaixonada por ele como nós somos”, afirma a idealizadora e curadora do Festival, Fernanda Bulhões, sócia da Linhas Produções Culturais.

Uma das atrizes principais de Que Horas Ela Volta?, Camila Márdila viajou para Rússia a convite da organização do Festival e participou de um Q&A sobre o filme junto ao público. Quem também esteve em Moscou para conversar com a audiência foi o ator Milhem Cortaz, representando os longas Trinta e O Lobo Atrás da Porta.

Em oito anos, 98 filmes brasileiros já foram exibidos na Rússia. O 8º Festival de Cinema Brasileiro em Moscou integra esforços da iniciativa privada e do poder público e tem como objetivo disseminar a cultura brasileira no país, apresentando produções cinematográficas contemporâneas. Já participaram do evento personalidades como os diretores Eduardo Coutinho, Luiz Villaça, Henrique Goldman, Beto Brant e Sandra Kogut; os atores Vinícius de Oliveira, André Abujamra, Dan Stulbach e Chambinho do Acordeon, além das atrizes Bruna Lombardi, Denise Fraga e Letícia Sabatella.


Gostou do artigo? Então deixe um comentário!